sexta-feira, 29 de julho de 2011

Quarto de Dormir 
 

Um dia desses você vai ficar lembrando de nós dois
E não vai acender a luz do quarto quando o sol se for
Bem abraçada no lençol da cama vai chorar por nós
Pensando no escuro ter ouvido o som da minha voz
Vai acariciar seu próprio corpo e na imaginação
Fazer de conta que a sua agora é a minha mão
Mas eu não vou saber de nada do que você vai sentir
Sozinha no seu quarto de dormir

No cine-pensamento eu também tento reconstituir
As coisas que um dia você disse pra me seduzir
Enquanto na janela espero a chuva que não quer cair
O vento traz o riso seu que sempre me fazia rir
E o mundo vai dar voltas sobre voltas ao redor de si
Até toda memória dessa nossa história se extinguir
E você nunca vai saber de nada do que eu senti
Sozinho no meu quarto de dormir








quarta-feira, 27 de julho de 2011

Eu vou...

Que se foda, que se foda, que se fodaaaaaaaaaaaaaaaaaa. Pularei do 10º andar do conjunto habitacional de minhas faculdades emocionais. Não insista, quero queda livre...sem equipamento de segurança, pára-quedas, corda... quero me jogar de cabeça só para ver se entendo a funcionalidade desse mísero músculo a pulsar.




segunda-feira, 25 de julho de 2011

É no nosso encontro, cara a cara, olho a olho, que as coisas vão se definir. Veja se você consegue separar o sonho da realidade...
(Caio. F) 
 
Depois de duas semanas.. nem realidade, nem sonho... só um vasto acúmulo de possibilidades...

Olhos

domingo, 24 de julho de 2011

Ela...

Devassa, gostosa, tesuda...
Que nada!!
Quem me olha além, sabe.
No fundo sou apenas uma menina
 Construindo coisas pelo mundo...


sábado, 23 de julho de 2011

Universo em expansão

 Metamorfose ambulante?
Que nada!!!
Isso é só a minha alma inconstante dando sinal de vida
Porque quando a alma não se acostuma ao que tem
Todo o resto muda...


sexta-feira, 22 de julho de 2011

Passaredo

Quando gosto de ti e tu gostas de mim, o que nos impede de ser feliz? Um conjunto de crenças,  a diferença de idade, a igualdade do sexo, tatuagens, cicatrizes, feridas abertas, sentimentos marginais...lá vai a vida seguindo pela curva do tempo. Tanta gente se perdendo por tão pouco. Amores e afetos difusos.Engraçado o que fazemos da vida...sempre dificultamos o amor como se isso não nos pertencesse, como se fosse necessário ser digno de algo que nos é inerente. Daí, dizemos que o amor é punk sem nos perceber  senhores e donos do nosso destino. Amai-vos uns aos outros, já dizia o profeta. Mas, como seres racionais ( favor ler burros e ignorantes) que somos nos permitimos pensar e pesar o que não se pode explicar com teorias. Quem sente é livre.  Quem disse que gostamos de ser livres? Gostamos mesmo é do cárcere da razão, porque assim não precisamos dar trabalho ao coração...há lógica e é sistémico, perfeito..  Que seja eterno o preconceito, que vigore sempre o pesar do tempo, pois, é assim que gostamos de viver...sempre em dor, sempre deixando partes para trás...





PS: Cada pequena coisa vai ficar bem - Eu não me preocuparei!



Revidar...

Não sou uma pessoa vestida de drama
Tu chutas, cospe, engasga,  roga praga, confundi,  esquece
magoa,esmurra, maltrata, confunde, quebra ao meio, golpeia, iludi....
meu pequeno e frágil coração
Leigo engano ao pensares que ficarei inerte
Prepara-te para o combate
Erga os punhos
 Pois hei de revidar
Cada segundo, cada pedaço...

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Hardcore

Se não consegues ver  o problema é exclusivamente seu não adianta ratear. Não irei mendigar por respostas que satisfação meus medos. Estou cansada disso,  quem foi o idiota que escreveu que na vida uns irão te ferir e em seguida vc irá ferir outrem? Gosto de relações hardcores, nada convencionais... sou chegada num maluco beleza... mas é um tanto d+ ficar nesse ciclo. Não quero curar, não quero ferir...ah, tb não sei o que quero. Sou confusa, admito.  A questão é simples o ser humano é meio "V"(do filme "V" de vingança) Quer que alguém se resposabilize por suas dores( esse alguém não o inclui) então, desfere sobre o outro suas  parcelinhas afetivas mais mordazes. Ando preocupada com a qualidade de minhas relações. Estou mudada, não quero muita coisa em troca, quero respeito. Estar com pessoas que podem até não gostar de mim do modo mais fofinho do mundo. Mas que sejam sinceras, que verbalizem o que realmente querem. Odeio esses joguinhos tipo jogral. tu falas, eu falo, nós falamos e no final de duas semanas é cada um para o seu lado como se nada tivesse acontecido. Cara, eu sou perfeita pra caralho e tenho plena consciência de que isso não pode ser tão verdade para você. Então, não me faça sentir como se fosse nada só para seguir no teu ciclo doentio...Não sou narcisista, mas descobri faz tempo que o meu espelho, esse sim, é sincero. Poupe-me das misérias,  quero viver e nem sempre será com acúcar e muito afeto. Até quero, estou disposta...só tem um problema amar não é  um ato individual. se não quer, se não pode  não me desperte, não me altere os sentidos. Poupemos tempo, porque há tanta vida lá fora, mas aqui dentro nem sempre.






terça-feira, 19 de julho de 2011

Quem!?


Quem somos nós?
Quem? Quem?!
Talvez, sejamos sós
 Ou eu  e vc, nós.
Um dia ainda descubro...quem somos.



segunda-feira, 18 de julho de 2011

domingo, 17 de julho de 2011

Não irei me prender aos pequenos detalhes. Há tanto a aprender pelo caminho.As dores? Joguei-as na bolsa junto ao batom rosinha e a sombra preta...minha revista nova, meu I pod e um livrinho de bolso da Martha, acho que dá para me distrair enquanto te espero chegar. Sem preocupações maiores vou seguindo meu rumo. Sei que inventaram o celular para que eu não precise ficar em casa esperando ele tocar, por hora ficou em casa.  Já não tem importância quem vai ligar. Hoje quero sair só...sem hora, sem lugar. Quero testar aquele caminho por onde nunca andei. Latejante o desejo de saber onde vai dar.




sábado, 16 de julho de 2011

 Ele: Ela é perfeita
Ela: Não me ame desse jeito


Olhando bem de perto e lá dentro é impossível encontrar na vida alguém que não sofreu por amor. Eu sei e você também sabe, dói. Então, me diz como se faz para curar um coração!?!? Cansei das minhas misérias afetivas, desse pouco que me restou de um todo tão complexo, tão delirante...o meu desejo de seguir adiante não encontra forças para prosseguir...os outros não tem seu rosto, seu cheiro, teus   segredos sagrados, não tem a mesma graça, o mesmo charme, a mesma força, o beijo e não me fazem  a mulher mais bem comida do mundo.Então, me diz  o que faço? Já sei, mais uma dose dupla de você.



quinta-feira, 14 de julho de 2011

Caioooo

"Tomara que a gente não desista de ser quem é, por nada nem ninguém deste mundo. Que reconheça o poder do outro sem esquecer do nosso. Que as prepotências alheias não confundam as nossas verdades, os nossos valores… Que mesmo quando estivermos doendo, não percamos nem o sonho, nem a idéia da alegria. Tomara que apesar dos apesares, a gente continue tendo valentia suficiente para não abrir mão de se sentir feliz."


Quando as palavras não saem...uso as do Caio, que se encaixam perfeitamento aos meus momentos verborrágicos...

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Aos 25 min do segundo  tempo permiti mais uma vez que  alguém me quebrasse inteira. Isso nunca pára, 
nunca  tem fim. Prestes a completar 28 anos descobri muitas coisas sobre mim, sobre quem sou, sobre quem desejo ser, nada é construido para o presente.  Já me preciptei algumas vezes, mas nunca fiz isso  olhando nos olhos de alguém lhe enchendo de esperança. Compreendo que ninguém é igual a ninguém, por isso , não costumo esperar dos outros os mesmo atos ou sentimentos. Quem já me viu de perto sabe o quanto amo a diversidade e as inúmeras possibilidades do ser. Infelizmente, existem pessoas covardes que mentem te olhando nos olhos. Ah, não me venha com essa de que homens são práticos e seus sentimentos são instantâneos como um pacotinho de miojo, pronto para matar a fome em 3 min. Pelo amor de Deus, quantas mulheres fazem isso por aí tb... bom, a questão toda é que vc me quebrou, levou de mim uma parte pequena que era minha, só minha. Não entendo, nem sei se um dia entenderei tanto descaso com o afeto alheio. Tudo bem, ontem eu te perdoei e pedi  a Deus para que fizesse isso, vc é só um menino. Não posso esperar que entenda meus anseios de mulher.Sabe, comecei meu dia triste, pensando em como a tua ausência ainda doia. Mas quer saber a Martha tem razão ao dizer: Vamos deixar para sofrer pelo que é realmente trágico, e não por aquilo que é apenas um incômodo, senão fica impraticável atravessar os dias.

A data que vc fez questão de esquecer, foi comemorada em alto estilo. Junto aos meus amigos. Ganhei até um solo na flauta da Camilinha.  Abracei pessoas especiais, recebi carinho  verdadeiro de muito longe. Agradeço aos amigos que neste dia me devolveram a alma me fazendo lembrar o quão importante sou. Te agradeço tb,experiência nunca é d+. Que no seu caminho haja luz. Porque o meu é repleto de estrelas..


quinta-feira, 7 de julho de 2011

...adoro os efeitos sonoros de quando você sussura
Absurdos no ouvido do meu coração...
 
(A banda mais bonita da cidade)




Guardou  dentro do peito cada frase, cada palavra...fez dos sonhos possíveis uma escada. Subiu infinito, até alcançar o céu. Sorriu ao tocar as nuvens...lá dentro, no esconderijo da alma, tudo ecoava...

terça-feira, 5 de julho de 2011

" Você é quem decide o que vai ser eterno em você, no seu coração.
Deus nos dá o dom de eternizar em nós o que vale a pena, e esquecer definitivamente aquilo que não vale... "
( Fábio de Melo)





domingo, 3 de julho de 2011

Ter amigo artista é foda... ele invade seu blog  e seu coração sem pedir lincença...

Diretamente do Nordeste trago para vcs o Oigo. Espero que curtam, aproveite para dar uma passadinha no site e saber mais detalhes sobre esse grande, enorme, imenso artista. Amo tu.

sábado, 2 de julho de 2011

Estrelas

PS: Pequeno, esse é para vc que está chegando bem devagarinho ao meu coração...que as dores do passado sejam a força necessária para mover esta vida que se inicia cabendo o "nós".

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Vermelho

"Que isso sempre foi assim
Mas você me chama pro mundo
E me faz sair do fundo de onde eu tô
De novo.'

(Camelo)


Term of Use

Observar é interessante, comentar é obrigatório

Breves linhas

“Seja você quem for, agora, segurando a minha mão, sem uma coisa há de ser tudo inútil_ é um leal aviso que lhe dou, antes que continue a me tentar_ não sou aquele que você imagina, mas muito diferente. “ ---Walt Whitman----