terça-feira, 31 de maio de 2011

Hoje vou de Caio...

"Então, não perca seu tempo comigo. Eu não sou um corpo que você achou na noite. Eu não sou uma boca que precisa ser beijada por outra qualquer. Eu não preciso do seu dinheiro. Muito menos do seu carro. Mas, talvez, eu precise dos seus braços fortes. Das suas mãos quentes. Do seu colo pra eu me deitar. Do seu conselho quando meu lado menina não souber o que fazer do meu futuro. Eu não vou te pedir nada. Não vou te cobrar aquilo que você não pode me dar. Mas uma coisa, eu exijo. Quando estiver comigo, seja todo você. Corpo e alma. Às vezes, mais alma. Às vezes, mais corpo. Mas, por favor, não me apareça pela metade. Não me venha com falsas promessas. Eu não me iludo com presentes caros. Não, eu não estou à venda. Eu não quero saber onde você mora. Desde que você saiba o caminho da minha casa. Eu não quero saber quanto você ganha. Quero saber se ganha o dia quando está comigo"

( Caio F )


domingo, 29 de maio de 2011

Espera...

Tem feito frio esses dias, sei que deve ser difícil essa coisa de tentativa e erro nesses dias em que se quer estar com aquela pessoinha especial. Sei que é preciso mergulhar em outras bocas, sentir tantos gostos só para saber que o meu beijo é o único que irá lhe satisfazer a alma.  Te vejo entre os fios de cabelo, desenho teus lábios com meus pensamentos.  Não és o único, tb vivo dessa procura. As vezes, meu corpo esbarra em outros corpos deliciosamente tão intensos quanto o seu. Perco-me, finjo, minto mas não são os seus e nunca serão. Vai que uma hora dessas o seu caminho cruza com o meu... por isso, não desista, não desista de me apetecer. Enquanto isso, vou cuidado da alma... aquecendo o peito a te esperar. Porque o amor, ah, esse não avisa quando vai chegar.

"Nao vou dizer que quero ter agora um beijo seu, só
Espero que um dia o seu caminho encontre o meu...
"
 (Rafinha)

Pra vc....

sábado, 28 de maio de 2011

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Movimento...

 Ando numa de gritar
Tirar  tudo lá de dentro
Golfar no mundo meus sentimentos
Deixei a calmaria de lado
Quero MOVIMENTO!!!







quinta-feira, 26 de maio de 2011

Certeza...

Sinto-me forte, pois, só agora consigo compreender que não são as pessoas que passam...sou eu que caminho.



quarta-feira, 25 de maio de 2011

Rir

Desaforada...

Querida vida, quando eu disse "Meu dia pode ficar pior?" era uma pergunta retórica, não um desafio.





terça-feira, 24 de maio de 2011

vazio crônico...

Ando vazia...de palavras.
Dentro do peito
esse  silêncio
essa falta...



segunda-feira, 23 de maio de 2011

...

"Nunca conheci uma única pessoa que não traga no coração uma dor em carne viva,
um pranto que ainda escoa em silêncio ou uma cicatriz para sempre falante."  
                                                    (Ana Jácomo)



 Chorei até perder o ar... deixei a alma secar e virar pó até compreender que o sofrimento não é uma exclusividade, há muito dele em ti, em mim...em nós.


Letramento



Cansei de toda essa miséria afetiva que trago no peito.  Já chorei tanto sobre o ontem, que as vezes me pergunto quando terei tempo para cultivar os sorrisos dessa estação.  A verdade é que todo mundo quer sorrir sem razão. quer amar mais, ir além... a parte complicada de entender  nisso tudo é que o único amor maior é o que sentimos por nós mesmos. Fora isso, não dá para esperar a equalização dos afetos.  Não há como equilibrar sentimentos. Então, não ame esperando que  o amor de outrem seja do mesmo tamanho do seu. Porque não será...taí, o barato dos sentimentos não é mantê-los dentro de um padrão...  sentir é transgressão. È olhar o outro como ele é, respeitando aquilo que nele há de mais diferente e incomum. Não quero um amor construido com frases prontas, uma amizade onde eu precise dizer todos os dias  um eu te amo... não vejo necessidade, existem coisas nessa vida que valem mais do essas frases curriqueiras. O meu amor independe de quantas vezes vc possa me dizer com palavras que isso que nos une e tão, tão especial quanto o pôr-do-sol ou  as minhas barrinhas de cereal matinais. Preste atenção, se vc precisa me dizer constantemente que isso é amor. É sinal que não é tão verdade assim, porque amor não se traduz com palavras...amor só dá para saber que existe quando no maior dos destemperos, envolto em todos os defeitos  conta-se até 3 e só o que lhe vem a cabeça é sorrir e abraçar aquele que se põem tão indefeso a sua frente. Amar é proteger, é cuidar e para isso não é preciso falar ou escrever diariamente no Face ou em qualquer outro lugar as três palavras mágicas...amar é mais que um código escrito. se bem que pode até ser significados traduzidos em palavras, nunca o contrário.



 


I even love it when you're mad and so frustrated

Even though you made my simple life so complicated
Don't go, nah don't go
I love every lil' thing about you baby
Don't ya know?

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Oração





"Coração não é tão simples como pensas
Nele cabe o que não cabe na despensa
Cabe o meu amor..."

(Banda mais bonita da cidade)






quarta-feira, 18 de maio de 2011

Desabrochar

Ando um tanto vazia de palavras, de poesia...Aquele silêncio ocupou-me  a alma.. Não há tristezas, nem alegria...sinto-me como se tivesse plantado todas as sementes na terra  fértil do meu coração, e  agora as esperasse  brotar...  eu sei, tu também deves saber, não há no mundo  beleza mais pura do que a das rosas que teimam em nos florecer. Então, não se aborreça se meu silêncio lhe parecer ofensivo, mas este é o meu tempo da espera. Entenderei se não puderes me acompanhar. Afinal, ninguém me disse que não haveriam sacrifícios. Quer saber, adoraria se pudesses ficar só para ver cada caule, cada pétala desabrochar...




segunda-feira, 16 de maio de 2011

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Aprender...


"Arrume o seu drama na sua grande e velha mala
E leve-os para ver o mar
Eu não me importo com o que as pessoas podem dizer
O que as pessoas podem dizer sobre mim..."





Daqui para frente quero aprender tudoooo de modo intenso e livre. Não me pergunte o que contém o tudo.Não sei. Só sei que quero descobrir o que há nesse caminho, que posso ir com ou sem você.


quarta-feira, 11 de maio de 2011

Eu querooooooooooooooooo, vai dizer que tb não quer!?


Love


(Simone)




Quero que você me traga
Que você me trague
Quero que você me trombe
Que você me estrague


Quero que você me beije, baby
Que me beba e babe
Quero que você me pinte
Que me pegue e pague


Que você me cubra
Que você me cobre
Que você me cure
Que você me core
Que você me cace
Que você me coce


Quero que você me adote
Que você me adore
Quero que você me exploda
Que você me explore




Quero que você me cheire
Que você me chore
Quero que você me xingue
Que você me choque


Que você me livre
Que você me leve
Que você me lavre
Que você me lave
Que você me louve
Que você me love


Traga, trague, pegue, pague, xingue, explore
Cheire, chore, choque, livre, leve, love



Ah, como quero!Quero muito, quero agora, quero já.

terça-feira, 10 de maio de 2011

Procurando por mim...

Cansada dos momentos incertos, dos medos, das dúvidas e de tudo que está contido nesses meus dias de "pés esquerdos". Sabe, não é minha intenção passar a vida olhando-a meio de lado  como se tudo fosse suspeito, como se toda felicidade fosse clandestina. Entretanto, tem dias que é assim...nada aquece, nem preenche os espaços lá dentro. A sorte desses dias estranhos é que eles acabam e isso nos permite olhar a vida por novas perspectivas. Tá, eu sei, tem gente tapada que prefere o lamento. Não sou assim, meus dias ruins são de reflexão, fico em silêncio caminhando pelos meus vãos...tateando, procurando por mim. Porque nesses dias nebulosos existe alguém lá fora tão diferente de mim,  chegando até confundir...mas com toda certeza, nem de longe sou eu...

sábado, 7 de maio de 2011

Claudia Leitte - O Último Romance




Andei por muitos caminhos essa tarde até esbarrar contigo meio sem motivos, sem vontade... Mera distração de ambas as partes. Finalmente, deixei que vissem minhas cores, todas as cores...
te encontrei, tu tb me encontraste... desde então, me sinto feito bola de sabão planando pelo ar sem direção, peito aberto e uma vontade imensa de fazer do meu colo teu abrigo. "Ah, pequeno!!1Me diz o que é o sufoco que te mostro alguém afim de te acompanhar." Mas, diz baixinho no meu ouvidinho, pois, sendo eu teu mundo, ninguém mais precisa escutar... Afinal, tenho fé e vejo coragem no amor...

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Joaninha

PS: Clique na imagem para aumentá-la

quinta-feira, 5 de maio de 2011

O melhor lugar...

Preste atençao, posso ser  sarcástica, irônica, mal-humarada, metida, estúpida, idiota...entretanto, as vezes, também tenho sentimentos fofinhos, é quando tenho meu lado Felicia aflorado... quero abraçar, apertar até seus olhos saltarem para fora...pode acreditar. As vezes, dá vontade de te espremer inteirinho, feito laranja, só para ver essa dor que te maltrata tanto escorre de dentro de ti. Quero para você a mesma paz que sinto ao saber que mesmo sendo  aquela pessoa insensível e insuportável de todas as horas insólitas existe alguém que gosta tanto, tanto, tanto...de mim. É, saber disso me torna uma pessoa tão melhor. Por isso, celebro e agradeço essa  fé...em nós. Agora faça-me um favor...deixe consumar, fato..."que seja doce" o afetar do meu afeto no seu. Vem, dá cá um abraço, pois, no mundo esse é sempre o melhor lugar.






quarta-feira, 4 de maio de 2011

Do ir...

Não é o evento, em si, que te causa a dor. É o significado que você dá a ele. Às vezes me incomoda partir sem ver algumas respostas. Mas sei que o mundo não para quando eu vou embora. O mundo continua. E aquilo que você faz quando você está lá tem reverberações dentro das pessoas e dentro dos espaços. Então, é uma dor do tipo: estou indo embora, não vi o resultado disso, mas alguém vai ver. E tomara que aconteça. [...]

(Eliane Brum)




terça-feira, 3 de maio de 2011

Papo cabeça






"Quem bater primeiro a dobra do mar dá de lá bandeira qualquer, 
aponta pra fé e rema..."

(Los Hermanos - CapX  Versículo II)
            


Senti uma parte de mim dando tchau...
algo lá dentro, meio distante, mas timidamente assim
Bom, vou acenar também
assim ela vai em paz
 Se for boa... volta
Se não for, pelo menos não ficará ressentida.
       
Nanda Acioly e  Vinicius de Oliveira






PS: Resquícios das noites com sol. Adoro tu.

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Hoje vou de Caio...

"Mas como menina-teimosa que sou,
ainda insisto em desentortar os caminhos. 
Em construir castelos sem pensar nos ventos." 
 (Caio. F)




domingo, 1 de maio de 2011

A primeira vista

"Eu tenho tudo o que você precisa
E mais um pouco
Nós somos iguais
Na alma e no corpo"
(Cazuza)

Naquele final de tarde nanda não esperava mais nada da vida. Tinha certeza que sua cota de felicidade estava completamente preenchida, havia passado a tarde inteira rindo das miudezas da vida. Sentia-se completamente feliz, sem ostentar qualquer motivo ou sonho besta. Quando chegou ao final de seu passeio diário por dentro de si, abriu a porta e deu de cara com o mundo, finalmente, pode compreender a imensidão e a profundidade de se sentir tão bem consigo. Levantou-se de supetão, indo até o espelho. Olhou-se como narciso, mas não se apaixonou.  O que sentia estava além disso...pela primeira vez, amou a primeira vista...


Term of Use

Observar é interessante, comentar é obrigatório

Breves linhas

“Seja você quem for, agora, segurando a minha mão, sem uma coisa há de ser tudo inútil_ é um leal aviso que lhe dou, antes que continue a me tentar_ não sou aquele que você imagina, mas muito diferente. “ ---Walt Whitman----